Polenta desde a antiguidade conquistando o paladar das pessoas

Polenta, iguaria de origem italiana, que conquistou vários povos, em vários países e culturas, através da miscigenação das raças.

O cultivo do milho teve início no Egito há mais de 6.000 anos. Em tempos remotos, os grãos do milho eram consumidos sem processamento. Com o passar dos tempos, eram triturados de forma rudimentar entre duas pedras que giravam e moíam os grãos.

Na atualidade, há formas mais modernas e mais fáceis de processamento do milho, que se transforma em fubá, quirela, canjica e origina várias receitas culinárias.

Polenta (foto: Ângela Quinelato – www.coisasdaroca.com)

Conheça a polenta

A palavra é de origem latina, derivada de pollen, que significa flor de farinha. É um alimento muito antigo, que é anterior ao surgimento do pão.

A iguaria feita à base de fubá, é misturada em água, temperada com sal e cozida em fogo para ganhar cremosidade e sabor.

A origem da iguaria é atribuída aos romanos, que preparavam um prato denominado “pultem”, com grãos de farro esmagados e cozidos com água, de consistência mole, o qual temperavam com queijos, carnes ou molhos diversos. Os cartagineses a temperavam com mel, ovos e queijos.

A receita inicial da iguaria era com grãos de cevada, aveia, arroz e outros cereais. Após a descoberta da América e com a difusão do milho pela Europa, no Século XVI, que a polenta passou a ser também preparada a partir do milho moído.

Como a polenta se popularizou no Brasil?

O alimento já era consumido no Brasil antes da chegada dos imigrantes italianos, mas após a instalação das famílias a partir de 1875; o alimento ficou mais popular entre os brasileiros; foi passando por adaptações de várias culturas e conquistando o paladar de todos.

Era muito comum nas pequenas e grandes fazendas, as escravas e as nonas fazerem a polenta em grandes tachos, em fornalhas e fogões a lenha.

Pés de Milho

Pés de Milho (foto: Evandro Marques – www.coisasdaroca.com)

Com o tempo começaram a cozinhá-la em panelas de pedra e; por ser um alimento mais barato, foi a principal alimentação de muitos italianos e seus descendentes durantes vários anos; pois além de barata, ela garantia resistência para os trabalhos pesados.

A iguaria por muitos anos ficou restrita à comida da zona rural, ou conhecida como comida de pobre; mas ultimamente ela tem conquistado seu espaço novamente.

Ela faz parte de cardápios mais requintados e festas típicas, como acontece na cidade de Venda Nova do Imigrante; que realiza anualmente a Festa da Polenta, para manter viva a tradição e a cultura de seus antepassados.

 

Be the first to comment on "Polenta desde a antiguidade conquistando o paladar das pessoas"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.