Origem e aplicação da Tumbérgia arbustiva na ornamentação

Rate this post

Tumbérgia arbustiva (Thunbergia erecta) é uma planta nativa da África, sendo encontrada em quase todos os continentes e muito popular na ornamentação. Ela é conhecida popularmente ainda por manto de rei.

Descrição

Tumbérgia arbustiva

Tumbérgia arbustiva (foto https://plantslive.in/)

A espécie é um arbusto ereto, pertence à família Acanthaceae, que pode atingir até dois metros de altura. Produz  caule de textura lenhosa,  em tonalidade marrom acinzentado, com muitas ramificações e com hastes finas e marrons.

As folhas são simples, opostas, verde-brilhantes, e podem chegar até 11 cm de comprimento, com pecíolo que varia de 4 a 8 mm.

As flores são tubulares, solitárias, axilares, na tonalidade roxa e com o centro amarelo. Há variedade que produz flor na cor branca. Elas aparecem quase o ano todo, com mais intensidade na primavera-verão; além de atrair beija-flores, borboletas e mamangavas.

Ela prefere luz solar boa parte do dia, solos ricos em nutrientes e rega constante sem encharcamento, mas tolera pequenos períodos de estiagem.

Propaga-se por sementes estacas e as podas regulares, realizadas após uma das floradas, estimulam a produção de novas flores, que colorem o ambiente.

Tumbérgia arbustiva

Tumbérgia arbustiva (foto https://www.flickr.com/photos/[email protected]/47205237532)

Serve para quê?

Amplamente usada na decoração de jardins como planta isolada; ou formando maciços ao longo de muros, muretas, paredes e cercas vivas.

Onde encontrar?

Facilmente encontrada em projetos de ornamentação, em variados jardins e em forma de cerca viva; além de comercializada em sites que vendem mudas e sementes de plantas.

Be the first to comment on "Origem e aplicação da Tumbérgia arbustiva na ornamentação"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.