Origem e diversas aplicações do Monjoleiro

Monjoleiro (Acacia polyphylla) é uma planta de origem amazônica, conhecida também por Monjoleiro-branco, Monjoleira, Monjolo-ferro e Paricá-branco, que é encontrada em várias regiões brasileiras.

A planta é encontrada ainda em outros países da América do Sul tais como na Bolívia, com nome de cari cari; na Colômbia, baranoa; no Paraguai, jukeri guasu e no Peru, pashaco negro.

Monjoleiro

Monjoleiro (foto https://www.kew.org/science/tropamerica/imagedatabase/large1/cat_single1-32.htm)

Descrição

A árvore é de grande porte e pode alcançar até 20 metros de altura. Possui copa frondosa e prefere clima tropical para seu crescimento, que é bem rápido. Adapta-se melhor em locais com boa frequência de luz solar e frequência de rega, sem encharcamento.

Produz várias flores brancas ou amareladas, em forma de espiga, que são polinizadas por mariposas ou borboletas. O fruto é uma leguminosa que pode ter de 10 a 15 cm de comprimento e de 2 a 3 cm de largura. Propaga-se por sementes ou mudas.

Serve para quê?

As flores são usadas pelos apicultores para a produção de mel. Sua madeira, que apresenta facilidade para ser entalhada, é usada popularmente para fabricação de monjolo; além de usada para fabricação de móveis e variados utensílios, celulose e papel.

Monjoleiro

Monjoleiro (foto http://rubens-plantasdobrasil.blogspot.com/)

Ela é usada para projetos paisagísticos, sendo empregada em ornamentação de praças e locais públicos, pela beleza de sua copa e de suas flores.

A resina da árvore é usada na medicina popular para alívio de tosse, sendo muito conhecida em várias regiões.

Onde encontrar?

Ela é comumente encontrada como espécie colonizadora, em áreas rochosas e em encostas de morros, formando populações agregadas; embora possa ocorrer ainda em solos profundos e em clareiras de  floresta primária. É comercializada ainda em sites, que vendem mudas e sementes de plantas.

As plantas medicinais não substituem o acompanhamento médico e em altas doses podem ser prejudiciais à saúde.

Be the first to comment on "Origem e diversas aplicações do Monjoleiro"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.