Dicuada de cinza, costume artesanal das roças brasileiras

A Dicuada de cinza, era um costume das roças brasileiras; que por muitos anos foi o meio pelo qual se produzia o sabão artesanal, destinado às tarefas domésticas das casas de roça.

Produção de Sabão

A produção de sabões envolve uma série de reações químicas; dentre elas, a reação de saponificação, que ocorre entre um material gorduroso e uma substância de caráter alcalino (básico); frequentemente a soda cáustica. O produto dessa transformação é um sal orgânico, que constitui o sabão.

O esquema abaixo mostra a reação que ocorre:

Dicuada

E a dicuada de cinza? O que é isso e o que isso tem a ver com sabões?

A dicuada de cinza é uma solução rica em sais de caráter básico (principalmente o carbonato de potássio e o carbonato de sódio). Esses sais devem fazer o papel da soda cáustica no preparo do sabão.

Dicuada de Cinzas (foto http://www.campusvirtual.ufsj.edu.br/)

Dicuada de Cinzas (foto http://www.campusvirtual.ufsj.edu.br/)

Como obter a dicuada de cinza?

Nas casas das roças é muito comum o uso do fogão a lenha. Durante a queima da madeira, cinzas ficam acumuladas no fogão. Essa cinza deve ser peneirada para torná-la mais uniforme e, depois, colocada em um recipiente poroso.

Em muitos casos, usa-se uma lata com pequenos furinhos no fundo. Em outros casos, usa-se um balaio com o fundo revestido por folhas de bananeira. Dentro desse recipiente colocam-se as cinzas, que devem ser socadas até se transformar em um pó bem fininho. O conjunto formado pelo recipiente + cinzas recebe o nome de barreleiro.

Quando a cinza estiver bem uniforme, adiciona-se água e coloca o barreleiro pendurado; ou apoiado sobre um outro recipiente (balde, bacia) para que ocorra a filtração (ou coar a cinza, como se diz na zona rural).

A água que cair na bacia ou balde é rica em sais básicos (absorvidos pelas plantas e que não se degradam durante a queima da lenha) e é o que se chama de dicuada de cinza ou barrela.

Os sabões feitos usando-se essa solução alcalina recebem o nome de sabões “de coada”, devido ao coar das cinzas, que durante muitos anos foi o principal produto para ajudar na limpeza das vasilhas e das roupas.

3 Comments on "Dicuada de cinza, costume artesanal das roças brasileiras"

  1. Muito boa essa esclarecedora matéria. Estava conversando com minha mãe, enquanto esperava a dentista e ela me contando como fazia o sabão com soda década! Vim pesquisar e minha surpresa, achei. Minha mãe amou, lembrou-se do nome do barreleiro, que ela havia esquecido.Obrigada.

  2. Nossa, que legal!!!Barreleiro, dicuada… termos da minha infância! Saudades da minha vozinha, que fazia isso, lá na roça, rs… muitas saudades, muitas…

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.