Entrevero, comida típica da região sul brasileira, que conquista admiradores

Avalie esta postagem

Entrevero de pinhão é um prato típico dos estados da região sul do Brasil, principalmente das regiões serranas do estado de Santa Catarina.

A palavra é de origem da língua espanhola rioplatense; que  muito influenciou o dialeto da região sul brasileira, com sua forma arrastada de falar.

Pinhão

Tradição

Ele é feito a base de pinhão e carnes; e por conter muitos ingredientes, foi denominado do sinônimo de mistura, confusão, desordem.

A comida típica envolve a semente de araucária; além de diversas carnes; e a cada ano sofre adaptações e variações culinárias, fazendo com que se perpetue pelas novas gerações.

O prato é preparado com carne bovina, de frango, de porco e variados legumes e especiarias; que dão um toque especial à receita.

O prato é preparado em fogão a lenha, em tachos de cobre ou panelas de ferro; sendo parte integrante das festas típicas da região tais como na cidade de Lages, que promove anualmente a Festa Nacional do Pinhão; que recebe milhares de visitantes.

A receita típica era servida em discos de arado, que ficavam sobre o fogão para manter a temperatura. A semente servia para dar o toque especial à receita que utilizava restos de carnes; além de diversos temperos, sendo muito comum na alimentação do início do século XIX.

Pinhão

Origem

O pinhão é a semente da araucária, árvore típica de regiões mais frias tais como os estados da região sul.

O alimento é tão presente na culinária sulista, que são organizadas festas típicas, feiras e a sapecada de pinhão; que sempre tem como objetivo reunir pessoas para degustação da saborosa e nutritiva iguaria.

A sapecada é herança dos tropeiros, responsáveis pela expansão da região; e que utilizavam a semente para alimentação; que garantia sustância para reunir a boiada nos currais.

Be the first to comment on "Entrevero, comida típica da região sul brasileira, que conquista admiradores"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.