Reminhol da época das fazendas de engenho aos dias atuais

Reminhol foi um utensílio muito usado à época das fazendas, que tinham engenho e produziam de forma artesanal o melado e a rapadura.

No Brasil colonial, a cana-de-açúcar impulsionou a colônia; e garantiu expansão da economia em variadas regiões brasileiras, principalmente a nordestina.

Conheça o reminhol

O reminhol possui formato de bacia grande, de cobre, com aproximadamente 30 centímetros de diâmetro. Ele tem uma espécie de encaixe de mais ou menos 15 cm, no qual será acoplado um cabo redondo de madeira, que será preso por rebite e dará sustentação ao artefato. O cabo garantirá à pessoa certa distância da mistura quente, que dá origem à iguaria adocicada, que foi muito popular no Brasil e estrela de várias receitas culinárias.

Em alguns lugares é chamado de remunhol; era utilizado para mexer a garapa; que após o tempo de cozimento nas grandes tachas, transforma-se em melado; e posteriormente na massa que dá origem à rapadura ou raspadura. Ele servia também para retirar o melado da tacha, antes de se transformar na massa mais espessa; e separar em vasilhas para armazenamento.

O melado é muito apreciado para preparação de bolos, tortas e para adoçar diversas receitas culinárias, sendo preferido pelos chefs e nutricionistas que têm formação em alimentação natural.

Ultimamente a rapadura vem conquistando seu espaço novamente, porque as pessoas estão mais preocupadas com uma alimentação mais natural.

Onde encontrar o Reminhol?

Ele é encontrado em grandes fazendas rurais, que ainda mantêm viva a tradição de produzir melado e rapadura; em cidades que têm o turismo rural como atração turística; e em museus das cidades que têm o ecoturismo como uma de suas atrações.

O reminhol é utilizado como peça de decoração em lugares que têm o rústico como pano de fundo e chama atenção pelo tamanho, além de despertar atenção de curiosos.

 

Reminhol (Foto: Evandro Marques)

Reminhol

Reminhol sendo usado para tirar melado (Foto: Evandro Marques)

2 Comments on "Reminhol da época das fazendas de engenho aos dias atuais"

  1. Tenho um grupo no facebook “Coisas Antigas da Roça” https://www.facebook.com/groups/coisasantigasdaroca/ com o mesmo nome , achei legal e estou postando algumas matérias suas la , abraços
    Camilo Aparecido – Registro-SP

  2. Pessoal gostou bastante dessa matéria, meus parabéns

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.