Baru, usado na alimentação, em áreas degradadas e na medicina popular

Avalie esta postagem

Baru (Dipteryx alata) é o fruto da baruzeiro, que é uma planta originária do cerrado brasileiro; principalmente nos estados do Tocantins, Goiás e Mato Grosso do Sul.

Ele é encontrado em outros países da América do Sul, tais como Bolívia e Paraguai; além de ser conhecido também por cumbaru.

Cultivo

O baruzeiro é uma árvore de grande porte, que pode alcançar até 20 metros de altura e seu tronco possui até 70 cm de diâmetro. A planta é pouco exigente em relação ao clima e solo, tolerando solos mais pobres e com pouca irrigação.

Baru (foto https://produto.mercadolivre.com.br)

Baru (foto https://produto.mercadolivre.com.br)

Suas flores são pequenas de coloração esverdeada, preferida pelos insetos.

O fruto é protegido por uma dura casca, que contém em seu interior, uma amêndoa, com sabor parecido com o do amendoim; além de possuir alto valor nutricional e usada em diversas finalidades. Propaga-se por mudas ou pela distribuição de sementes; por animais silvestres pela vegetação.

Propriedades terapêuticas

Além de rico em vitaminas e sais minerais, principalmente o ferro e o zinco; ele possui propriedades medicinais tais como antirreumática, afrodisíaca, antioxidante, revigorante e estimulante.

Consumido regularmente, em doses moderadas, ajuda a prevenir o envelhecimento precoce e no fortalecimento do sistema imunológico.

Serve para quê?

O fruto pode ser utilizado na preparação de polpas de fruta, óleos, farinha, manteiga, bolos, mousses, sorvetes e tortas.

A casca da amêndoa também pode ser usada para a produção de carvão; ou mesmo utilizada em substituição à brita em calçamento, devido à sua alta resistência.

Baru (foto http://www.aplantadavez.com.br/2015/11/baru-dipteryx-alata-vog.html)

Baru (foto http://www.aplantadavez.com.br/2015/11/baru-dipteryx-alata-vog.html)

O óleo extraído da amêndoa é utilizado na medicina popular como antirreumático e na aromatização de fumo. A polpa é usada ainda para alimentação de animais.

A madeira é resistente a fungos e cupins, o que faz com que seu tronco seja muito procurado para a fabricação de mourões, dormentes e tábuas; além de usada na construção civil e naval.

Por causa de seu crescimento rápido, sua qualidade e resistência de sua madeira; a planta é empregada para recuperação de áreas degradadas e em projetos de reflorestamento.

Onde encontrar?

Ele é encontrado em sites que comercializam sementes e mudas de plantas; e suas amêndoas em casas que vendem produtos naturais e orgânicos.

As plantas medicinais não substituem o acompanhamento médico e em altas doses podem ser prejudiciais à saúde.

Be the first to comment on "Baru, usado na alimentação, em áreas degradadas e na medicina popular"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.