Gibão é o artefato de couro símbolo dos vaqueiros

5 (100%) 1 vote

O Gibão é uma vestimenta muito comum entre os vaqueiros nordestinos; responsáveis pela lida com a boiada, por entre a vegetação espinhenta do sertão.

Ele também foi um artefato preferido por Lampião, considerado o maior cangaceiro da história brasileira; apelidado como Rei do Cangaço.

Gibão

É uma peca confeccionada, pelo próprio vaqueiro, em couro curtido de bode ou de cabra, de forma artesanal. Ela se estende do pescoço à cintura, com uma tira, que prende a peça ao pescoço do vaqueiro; com mangas compridas para proteção dos braços. Geralmente ele possui bordados e enfeites peculiares ao dono da vestimenta.

Gibão (foto http://manoeltimbo.blogspot.com/2013/01/gibao-de-couro.html)

Gibão (foto http://manoeltimbo.blogspot.com/2013/01/gibao-de-couro.html)

O sertanejo, além do gibão, usava calça de couro bem comprida, luvas e chapéu do mesmo material; que era resistente aos grandes espinhos da seca vegetação. Outro artefato de extrema importância era o berrante.

Tal vestimenta era muito comum no Brasil Colônia, principalmente na região nordestina; por causa de sua vegetação à base de caatinga, recobertas por espinhos.

Ainda hoje é usado como símbolo e está presente em festas típicas, que retratam a vida do boiadeiro e sua lida sofrida no campo.

Para os vaqueiros e sertanejos, além de seu instrumento de trabalho, o artefato é também um objeto sagrado, pois pode ser comparado às armaduras usadas pelos soldados e guerreiros, que seguiam para as grandes batalhas.

Objetivo do artefato

A vestimenta protegia os vaqueiros e peões, que buscavam o gado por entre os espinhos e o sol escaldante, da vegetação espinhenta e densa.

A pele de couro é motivo de orgulho para estes homens, que no período de seca tem que percorrer longas distâncias, para levar os animais em busca de água. A referida vestimenta é tão sagrada quanto o anúncio da chegada das primeiras chuvas, no sertão nordestino.

Símbolo do Sertão

O artefato de couro era a vestimenta preferida do pernambuco Luiz Gonzaga, apelidado de Rei do Baião, que divulgou em todo o Brasil, a vida sofrida do sertanejo e seu amor pela terra nordestina; com as músicas Gibão de Couro, Asa Branca, Luar do Sertão e Vida do Viajante.

Be the first to comment on "Gibão é o artefato de couro símbolo dos vaqueiros"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.