Cachaça, tipicamente brasileira, que conquistou o mundo

5 (100%) 3 votes

Cachaça conhecida como aguardente, água que passarinho não bebe, pinga e cagaça é uma bebida tipicamente brasileira, mas não há registros exatos de seu surgimento.

Cana-de-Açúcar

Cachaça e sua origem

A origem mais provável dela, refere-se às técnicas de destilação no estado de Pernambuco, que no período colonial, foi o local que mais cultivou e produziu cana-de-açúcar e seus derivados, tais como rapadura e melado. A história remonta a um escravo, que trabalhava no engenho e deixou armazenada a “cagaça”, caldo esverdeado e escuro, que se forma durante a fervura do caldo da cana. O líquido fermentava naturalmente e, devido às mudanças de temperatura, evaporava, condensava e formava pequenos pingos nos tetos do engenho. Acredita-se que a nomenclatura “pinga” teria surgido dessa versão popular da origem da bebida.

A bebida era renegada e apreciada pelos escravos, que a tomavam para lutar a capoeira, ou para esquecer a vida sofrida que tinham nas novas terras e em suas senzalas.

Cachaça em outras terras

Levada para a Europa pelos comerciantes, a bebida caiu no gosto dos europeus, que fizeram a produção aumentar e chegou a ser usada como moeda de troca para compra de escravos.

Pendão de cana-de-açúcar

Pendão de cana-de-açúcar

A Coroa Portuguesa percebeu que a bebida enriquecia os comerciantes e poderia enfraquecer a economia dos portugueses. Nessa época o imposto relativo a bebida recebeu importante acréscimo, o que gerou a Revolta da Cachaça, por volta de 1660.

Outro episódio marcante foi que a Coroa Portuguesa percebeu que os negros ao tomarem a bebida ficavam mais valentes e revoltados; o que levou à proibição da fabricação e da ingestão da bebida pelos negros.

Decadência da Cachaça

Durante os séculos XV ao XVII, a cachaça reinou soberana, o que levou ao crescimento e multiplicação de engenhos, nos estados de São Paulo Rio de Janeiro e Minas.

Com o descobrimento do ouro nas Minas Gerais, a cachaça ficou relegada, pois a cultura de cana-de-açúcar entrou em decadência. A bebida passou a ser produzida em menores quantidades, comercializada e transportada em barris de madeira, que lhe conferia um sabor amadeirado, de onde surgiu o hábito de envelhecê-la em barris de madeira tais como carvalho.

Patrimônio Histórico e Cultural

Cachaça (foto http://www.vomilano.com.br/cachaca-artesanal-x-cachaca-industrial/)

Cachaça (foto http://www.vomilano.com.br/cachaca-artesanal-x-cachaca-industrial/)

A bebida passou a ser considerada como patrimônio histórico e cultural brasileiro e atualmente ela está espalhada em praticamente todas as regiões do País.

Ela possui produção artesanal e passa por processos muitos sofisticados para sua produção, o que lhe confere grande importância nacional e internacional.

Be the first to comment on "Cachaça, tipicamente brasileira, que conquistou o mundo"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.