Tília usada desde a antiguidade repleta de propriedades para a saúde

Tília (Tilia platyphyllos Scop) é uma grande árvore nativa da Europa; que se espalhou por várias regiões devido às propriedades medicinais; que são utilizadas na medicina popular, desde os tempos mais remotos.

Conheça a Tília

É uma árvore que atinge entre 20 e 40 metros de altura, possui copa frondosa com belas flores brancas brancas ou amareladas, que são visitadas por abelhas. Pouco exigente em relação ao solo e temperatura, mas prefere locais mais úmidos e solos rochosos sem encharcamento. Propaga-se por sementes, mudas e estaquias.

Propriedades da Tília

Ela é rica em vitamina C, óleos essenciais, flavonoides, taninos e manganês. Possui propriedade calmante, antidepressiva, analgésica, sudorífera, antioxidante, calmante, anti-inflamatória, digestiva, ansiolítica, depurativa e anti-espasmódica.

Ela possui ainda os compostos antioxidantes, como a quercetina e cumarina, que previnem a formação de radicais livres que podem causar apoptose ou mutação em células saudáveis, o que pode levar ao câncer.

Ela é usada na fabricação de variados cosméticos pela indústria de cosmetologia para rejuvenescimento da pele. Na medicina popular, é utilizada em forma chá, preparado com suas folhas, para alívio de febre, gripes, catarros, calmante, dores de cabeças; além de aliviar o stress, melhorar a qualidade do sono, prevenir o envelhecimento precoce e fortalecer o sistema imunológico.

As cascas usadas em forma de chá, são empregadas na medicina popular, para alívio de infeções do fígado, além de aliviar os efeitos da celulite.

O mel extraído das flores é considerado como um dos produtos de maior importância e qualidade.

Sua madeira leve e macia, é amplamente utilizada na fabricação de estatuetas e utensílios domésticos. A bela árvore possui valor ornamental, além de  proporcionar muita sombra.

Onde encontrar a Tília?

Em grandes vegetações, parques, praças, em produtos cosméticos, em casas que vendem produtos naturais e em sites que comercializam sementes e mudas de plantas.

As plantas medicinais não substituem o acompanhamento médico e em altas doses podem ser prejudiciais à saúde.

Tília (Foto fonte http://www.botanickafotogalerie.cz/fotogalerie.php?latName=Tilia%20platyphyllos&showPhoto_variant=photo_description&show_sp_descr=true&spec_syntax=specieshttp://www.botanickafotogalerie.cz/fotogalerie.php?latName=Tilia%20platyphyllos&showPhoto_variant=photo_description&show_sp_descr=true&spec_syntax=species)

Tília (Foto fonte http://www.botanickafotogalerie.cz/fotogalerie.php?latName=Tilia%20platyphyllos&showPhoto_variant)

Tília (Foto: http://www.actaplantarum.org/floraitaliae/viewtopic.php?t=66298)

Tília (Foto: http://www.actaplantarum.org/floraitaliae/viewtopic.php?t=66298)

Be the first to comment on "Tília usada desde a antiguidade repleta de propriedades para a saúde"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.