Mentruz e suas variadas propriedades medicinais

Mentruz (Coronopus didymus) é uma planta nativa da América e espalhada para outros continentes com os colonizadores. Ela  pertence à família Brassicaceae, crescendo espontaneamente em várias regiões brasileiras.

Conhecida popularmente como mastruço, erva-vomiqueira, erva-formigueira, mentruz-rasteiro e mastruz-miúdo. É importante ressaltar que algumas outras plantas; diferentes da que aparece em nossa imagem, também são chamadas de mentruz ou mastruço. Um bom exemplo é a erva-de-santa-maria (Chenopodium ambrosioides).

Descrição

O  mastruço do Brasil (Coronopus didymus) é uma planta prostrada, isto é, com crescimento rente ao solo,  com folhas pequenas e alternas, com um verde intenso. Forma inflorescências (tipo racemo) com flores muito pequenas e produzem fruto do tipo síliqua.

Mentruz (Coronopus didymus) com inflorescências (Foto: Evandro Marques)

Ela faz parte da lista de plantas medicinais listadas pelo Ministério da Saúde como de interesse ao SUS, além de muito utilizada na medicina popular

Propriedades medicinais

A planta possui variadas propriedades terapêuticas tais como cicatrizante, antibiótica, colerética, cicatrizante digestiva, expectorante e tônico pulmonar. Uma curiosidade à parte é a presença de óleos naturais sulfurados, que agem como antibióticos naturais.

Onde encontrar?

Facilmente encontrada em quintais das casas de roças da Bahia, passando pelo Sudeste e todos os estados da região Sul.

Há sites que comercializam sementes e vendem mudas da planta para os que quiserem iniciar o cultivo dessa poderosa planta.

Ela é de fácil cultivo podendo ser plantada em vasos, jardineiras, canteiros e em hortas domésticas, mas a planta sempre aparece espontaneamente entre outras culturas. Seu aparecimento é indicativo de solo fértil e de boa qualidade.

Mentruz
Foto: Evandro Marques

Como utilizar o mentruz?

A erva pode ser usada em forma de chás, banhos, emplastros, além de macerada, sendo indicada para ácido úrico, anemia, bronquite, contusão, dor muscular, escorbuto, escrofulose, gota, infecção respiratória, raquitismo, vermes, principalmente a solitária, reumatismo, traumatismos, catarro brônquico e muco espesso, além de atuar como digestivo.

A planta é uma espécie amplamente utilizada também como vermífuga para animais, e as fumigações são aplicadas como inseticida doméstico, sendo extremamente útil para espantar pulgas, percevejos, baratas e demais insetos.

As plantas medicinais não substituem o acompanhamento médico e em altas doses podem ser prejudiciais à saúde.

2 Comments on "Mentruz e suas variadas propriedades medicinais"

  1. ZILDA MOTTA TESTAGUZZA | 2 de outubro de 2019 at 16:59 | Responder

    Cicatrizou o pulmão, apos acidente de carro, onde havia sido perfurado. Foi passado na máquina de carne (antiga) e tomado o suco por um bom tempo;aproximadamente 800 ml. ao ser feita outro RX, o milagre havia acontecido: Tudo perfeito! Maravilhoso!

  2. Maria de Lourdes Preisler | 27 de outubro de 2019 at 16:46 | Responder

    como sim, como uma salada qualquer,só ela com tempero ou misturada em outra verdura como repolho alface pepino, mais o melor mesmo é pura colocar bem temperada em cima do prato de comida, bom demais

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.