Galanga desde a antiguidade presente em rituais e na alimentação

Avalie esta postagem

Galanga ( Alpinia officinarum) é de origem asiática, muito conhecida entre os chineses e tailandeses como “gengibre tailândês” ou “gengibre do Lao; usada em diversas receitas culinárias como especiaria.

Ela é usada desde a antiguidade em diversos rituais para espantar os maus espíritos ou para aumentar a virilidade masculina.

Cultivo da Galanga

É uma planta que atinge até 2 metros de altura, que prefere altitudes mais altas, mas adapta-se em locais tropicais e arenosos. Prefere rega constante, mas sem encharcamento. Produz folhas grandes e inflorescência de cor branca com detalhes púrpuras.

Propaga-se por seus rizomas, mudas ou sementes. Ela possui sabor que remete ao gengibre, mas é mais forte, apimentado e cítrico, quando fresca, mas tais características são perdidas quando seca e moída.

Propriedades da Galanga

Ela possui diversas propriedades terapêuticas tais como espasmolítica, anti-inflamatória, antibacteriana, estimulante, tônica, laxante, digestiva, antioxidante e afrodisíaca; além de ser rica em beta-caroteno, cálcio, ácido fólico, magnésio, fósforo, potássio, vitamina A,B3 e C.

Aplicações da Galanga

Ela é amplamente usada na medicina popular para alívio de males da digestão; além de aplicada em alguns países como desodorizante corporal e purificador da respiração e do sangue. Seu uso moderado, auxilia na prevenção do envelhecimento precoce e no fortalecimento do sistema imunológico.

Por causa de seu sabor forte, é recomendável que ela seja amassada ou cortada em fatias finas para utilização em pequenas porções. Ela pode ser acrescida a sobremesas, guisados, sopas, cozidos de legumes, arroz, caril ou chá; além de realçar o sabor de receitas de peixe e de frutos do mar, por reduzir o odor de peixe na comida.

Onde encontrar a Galanga?

Ela é encontrada em feiras livres, mercados municipais, sites que comercializam sementes e mudas de plantas; além de poder ser cultivada em pequenos locais tais como jardins, vasos, canteiros e jardineiras.

As plantas medicinais não substituem o acompanhamento médico e em altas doses podem ser prejudiciais à saúde.

Galanga ( foto fonte https://www.cocinista.es/web/es/enciclopedia-cocinista/especias-de-la-a-a-la-z/galangal-o-galanga.html)

Galanga ( foto fonte https://www.cocinista.es/web/es/enciclopedia-cocinista/especias-de-la-a-a-la-z/galangal-o-galanga.html)

Flor da Galanga ( foto fonte http://www.htbg.com/Zingiberaceae/ALPI-011-3-7-016/)

Flor da Galanga ( foto fonte http://www.htbg.com/Zingiberaceae/ALPI-011-3-7-016/)

Be the first to comment on "Galanga desde a antiguidade presente em rituais e na alimentação"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.