Origem do Pão de Queijo, um dos símbolos de Minas Gerais

Rate this post

O pão de queijo é uma iguaria gastronômica que conquistou o coração e o paladar dos brasileiros, partindo do sudeste para todas as regiões do país. Seja no café da manhã, acompanhado de um suco, de um refrigerante, no lanche da tarde, ou ainda em um coffee break; esse delicioso pãozinho crocante por fora e macio por dentro se faz presente, e agrada desde os paladares mais jovens até os mais experientes. Mas, de onde ele surgiu?

Pão de Queijo (foto: https://www.assai.com.br/blog/capacite-se/pao-de-queijo-massa-leve)

A história do Pão de Queijo

Com uma origem um pouco incerta, sabe-se, contudo, que essa deliciosa iguaria é tipicamente brasileira. A primeira versão de sua história remonta ao Ciclo do Ouro, que ocorreu em Minas Gerais por volta do século XVIII, e que fez com que muitas pessoas se deslocassem para aquela região. Consequentemente, com uma maior quantidade de pessoas, a disponibilidade de alimentos reduziu.

Além disso, a disponibilidade de farinha branca na região era bastante escassa, ao passo que o polvilho da mandioca era trazido pelos colonizadores portugueses. Sendo assim, ao polvilho eram acrescidos o leite, o queijo, e os ovos; uma vez que estes ingredientes eram comuns à época. Com isso, a mistura foi levada ao forno, e deu origem ao que hoje conhecemos como pão de queijo.

Entretanto, existe uma segunda versão, a qual remonta ao período em que imperava a escravidão no Brasil. Segundo esta versão, a receita que utilizava ovos e leite já era conhecida pelos portugueses, os quais trouxeram-na para a colônia. Já os indígenas que aqui viviam, tinham o hábito de utilizar o polvilho de mandioca como base de sua alimentação, e esta foi, então, utilizada na massa portuguesa. Já o queijo, por sua vez, tinha o objetivo de tornar o sabor mais agradável.

Pão de queijo (foto: https://www.istockphoto.com/pt/fotos/pao-de-queijo?phrase=pao%20de%20queijo&sort=mostpopular)

De 1950 até os dias atuais

Sabe-se, portanto que a receita é tipicamente mineira, independentemente da versão de sua história. Contudo, foi somente em meados do século XX que o pão de queijo se tornou popular em todo o país. Dona Arthêmia Chaves Carneiro, que representa a identidade visual de uma rede de lojas bem famosa no Brasil, foi a responsável por isso.

Reza a lenda que sua receita tinha um sabor inigualável, e que seu filho resolveu começar a vender essa delícia. Com o sucesso, o pão de queijo conquistou não só Minas, mas o Brasil todo, e hoje é consumido em mais de 50 países; embora, todos saibam que, igual o mineiro, só em Minas mesmo.

Be the first to comment on "Origem do Pão de Queijo, um dos símbolos de Minas Gerais"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.