Fruta do Milagre transforma os sabores amargo e doce

Fruta do Milagre ( Synsepalum dulcificum) é de origem africana, sendo conhecida há séculos pelos nativos, mas desconhecida por muitos povos.

Ela é popularmente usada pelos africanos antes da ingestão de alimentos azedos ou amargos, pois dessa forma o sabor ficará mais palatável. Nos Estados Unidos há vários produtos preparados com sua polpa. Ela é conhecida também por Miraculina, Cereja miraculosa, Miracle Berry e Miracle fruit.

No Brasil ela é pouco conhecida, sendo cultivada por colecionadores de plantas raras ou usadas por nutricionistas com especialização em alimentos orgânicos.

Cultivo da Fruta do Milagre

Ela é de pequeno porte, de crescimento lento e pode atingir de 1 a 2 metros de altura. Tolera temperaturas mais quentes e pouco exigente em relação ao solo. Prefere rega constante, mas sem encharcamento.

Suas folhas são simples e perenes. As flores aparecem em forma de feixes de 2 a 5 unidades e são hermafroditas. Os frutos são pequenas bagas suculentas avermelhadas, que lembram grão de café maduro. Propaga-se por mudas ou sementes.

Ela adapta-se a vários ambientes sendo propícia para pequenos jardins ou preparação de pequenas hortas domésticas.

Propriedades e Benefícios da Fruta do Milagre

Ela é rica em propriedades anti-inflamatórias, anticancerígenas e antioxidantes. Em doses moderadas, ela previne o envelhecimento precoce e fortalece o sistema imunológico.

Ela é usada como adoçante natural e por empresas para melhoramento do sabor de sucos industrializados pela indústria alimentícia.

Curiosidades da Fruta do Milagre

Ela possui em sua polpa uma proteína chamada miraculina, que ao entrar em contato com as papilas gustativas da língua, inibe a capacidade de saborear a acidez e o amargo dos alimentos. Dessa forma as frutas ácidas e amargas tornam-se extremamente agradáveis ao paladar.

No Japão, onde a miraculina é liberada, há tabletes preparados com o pó da fruta; e pesquisadores desenvolveram até uma alface geneticamente modificada com alto teor da substância. Na Universidade da Flórida, nos EUA, os pesquisadores também conseguiram clonar o gene que codifica a miraculina em tomates e morangos transgênicos.

Ingestão da Fruta do Milagre

Ela pode ser ingerida in natura ou armazenada congelada para diversas finalidades e receitas culinárias tais como sucos, compotas, mousses, caldas e cremes.

Se consumida em excesso poderá provocar aftas e irritação do estômago e das hemorroidas.

Os alimentos são excelente fonte de nutrientes para o organismo, mas se forem consumidos em excesso poderão ocasionar problemas no aparelho digestivo.

Fruta do Milagre ( foto fonte https://www.safarigarden.com.br/muda-da-fruta-do-milagre-miracle-fruit)

Fruta do Milagre ( foto fonte https://www.safarigarden.com.br/muda-da-fruta-do-milagre-miracle-fruit)

Fruta do Milagre ( foto fonte http://www.verdeefolha.com/search?updated-max=2017-10-20T07:57:00-07:00&max-results=4

Fruta do Milagre ( foto fonte http://www.verdeefolha.com/search?updated-max=2017-10-20T07:57:00-07:00&max-results=4

3 Comments on "Fruta do Milagre transforma os sabores amargo e doce"

  1. wellington da conceiçaõ oliveira correia | 10 de dezembro de 2018 at 22:46 | Responder

    gostaria de receber asemenjte do milagre

  2. Excelente artigo, também sou fã da fruta do milagre. Aqui está a minha muda. https://rumoaocentenario.com/fruta-do-milagre/

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.