Pixirica, pequena, colorida e muito versátil na alimentação

Pixirica (Leandra Lacunosa) é nativa do cerrado e encontrada nas regiões sul, sudeste e nordeste; conhecida por vários nomes tais como cabeludinha do cerrado ou do brejo, erva de jabuti, tinge-língua e Peludinha.

Cultivo da Pixirica

É um pequeno arbusto, que pode alcançar entre quarenta centímetros e três metros de altura, sendo pouco exigente em relação ao solo, irrigação e temperatura.

Possui copa espalhada e folhas simples revestidas de pelos. Suas flores em forma de cacho, possuem cores que variam do branco ao rosa.

Os frutos em formato de baga, possuem casca fina e arroxeada, com polpa doce e suculenta. Propaga-se por mudas ou sementes. O fruto serve para alimentar os animais silvestres da Mata Atlântica.

Propriedades da Pixirica

Ela possui propriedades anti-inflamatória, cicatrizante, calmante, anti-infecciosa e antioxidante.

Aplicações da Pixirica

Ela é usada na medicina popular, onde suas folhas, em forma de chá, são empregadas como calmante, para regular o ritmo cardíaco, infecções urinárias e genitais; além de externamente serem utilizadas no tratamento de moléstias da pele. As  cascas do caule e tronco servem para ajudar no controle da diabetes.

Os pequenos frutos são comestíveis e popularmente chamados de tinge-língua, por causa da coloração roxo-escura; além de usados para preparação de geleias, caldas, sucos, sorvetes, licores e preparação de polpa congelada.

A planta possui belo efeito ornamental, fazendo parte de jardins, canteiros; além de pomares de variados espaços.

Onde encontrar a Pixirica?

Ela é encontrada em terrenos baldios, pastagens, jardins; além de ser comercializada em sites que trabalham com sementes e mudas de plantas.

Era muito comum as crianças de roça, ao brincarem ao longo do caminho da escola, colherem os frutinhos e ingeri-los tingido a boca de roxo para matar a fome e aguçar a brincadeira, para a caminhada ficar menos cansativa.

As plantas medicinais não substituem o acompanhamento médico e em altas doses podem ser prejudiciais à saúde.

Pixirica ( foto fonte http://www.plantsystematics.org/imgs/fm18/r/Melastomataceae_Leandra_lacunosa_16972.html)

Pixirica ( foto fonte http://www.plantsystematics.org/imgs/fm18/r/Melastomataceae_Leandra_lacunosa_16972.html)

Pixirica (foto fonte https://umhistoriador.wordpress.com/tag/mata-atlantica/)

Pixirica (foto fonte https://umhistoriador.wordpress.com/tag/mata-atlantica/)

Pixirica ( foto fonte http://frutosatrativosdocerrado.bio.br/76-especies/30-frutos-pequenos/146-erva-de-jabuti)

Pixirica ( foto fonte http://frutosatrativosdocerrado.bio.br/76-especies/30-frutos-pequenos/146-erva-de-jabuti)

Be the first to comment on "Pixirica, pequena, colorida e muito versátil na alimentação"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*