Juçara produz um palmito adocicado que é muito saboroso

Juçara (Euterpe edulis) é uma palmeira originada na América, muito comum na Mata Atlântica; conhecida pelo seu palmito, que é muito comercializado.

A planta possui diversos nomes populares tais como Açaí-do-sul, Ensarova, Içara, Iiçara, Inçara, Iuçara, Jaçara, Jiçara, Jussara, Palmeira-juçara, Palmeiro-doce, Palmiteira, Palmiteiro-doce, Palmito-vermelho, Ripa e Ripeira.

Conheça a Juçara

Ela possui porte mediano, pois atinge até 15 metros de altura, possui caule reto, folhas alongadas e flores em forma de cacho, que são muito visitadas por abelhas. A planta prefere solos ricos em nutrientes e rega constante sem encharcamento; mas adapta-se em lugares mais quentes e com pouca chuva.

No tronco entre as copas e suas folhas, que se encontra o palmito, que é muito popular, possui sabor agradável e utilizado em diversas preparações culinárias. Seus frutos ficam negros quando amadurecem e são preferidos pelos pássaros e animais silvestres. Ela propaga-se por mudas ou pela dispersão das sementes.

O palmito da Juçara possui sabor levemente adocicado, é liso, de consistência mole, sendo empregado em diversas preparações gastronômicas. A extração do palmito tem passado por trabalhos de Ongs e Universidades tais como a Unesp, que têm desenvolvido pesquisa, que alertam em relação à extinção da planta e formas de prevenção e manutenção da espécie.

Utilidades da Juçara

O palmito é utilizado em diversas receitas culinárias, em cremes, ensopados, quirches, molhos e saladas.

Ela é utilizada para fins ornamentais, pois chama atenção pela beleza, enfeitando praças, canteiros e ruas; além de ser matéria prima para a celulose.

Seus frutos são utilizados para preparação de sorvetes, picolés, energéticos, compotas e vem ganhando espaço paulatinamente entre os consumidores.

Suas folhas e madeira são utilizadas para a construções de pequenas casas e telhados, das pessoas que vivem da extração palmeira, que também gera renda às populações das áreas nas quais a palmeira é encontrada.

Seus frutos e folhas também são empregados na criação de vários artesanatos tais como pulseiras, colares, chapéus, cestos e outros.

Onde encontrar a Juçara?

Ela é encontrada nas áreas litorâneas que envolvem a Bahia até o Rio Grande do Norte, nas regiões sudeste e sul enfeitando a paisagem e oportunizando geração de renda para quem vive de sua extração.

Juçara (Foto: http://www.litoralmania.com.br/fruto-da-jucara-e-alternativa-ao-corte-de-palmito/)

Juçara (Foto: http://www.litoralmania.com.br/fruto-da-jucara-e-alternativa-ao-corte-de-palmito/)

Juçara (Foto: http://www.parqueestadualserradomar.sp.gov.br/pesm/especie/palmeira-jucara/)

Juçara (Foto: http://www.parqueestadualserradomar.sp.gov.br/pesm/especie/palmeira-jucara/)

2 Comments on "Juçara produz um palmito adocicado que é muito saboroso"

  1. A jussara esta em extinção justamente pela extração do palmito que é feita aos 5 anos da planta e mata a mesma, é muito mais inteligente esperar mais 2 anos pois quando a jussara completa 7 anos ela produz um fruto muito parecido com o açaí e todo ano tem fruto e a planta continua viva.

  2. Esperar até o 7 anos, mas dai não usa o palmito? Utiliza somente o fruto? O que se faz com o fruto? Óleo?

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.