Benefícios do feijão

O feijão, fruto do feijoeiro, tem o nome científico (Phaseolus vulgaris L.) e sua origem ainda é desconhecida pelos pesquisadores, que acreditam que ele surgiu por volta de 10.000 a 7.000 a. C possivelmente na América do Sul, na região que atualmente é pertencente ao Peru e foi disseminado por todo o planeta. No Brasil há registros da cultura do feijão há mais de 2.000 anos.

O consenso existente entre os pesquisadores é em relação a importância dessa leguminosa na alimentação humana, devido ao seu alto teor de vitaminas, proteínas, sais minerais e fibras.

O feijão é uma leguminosa exigente em relação ao tipo de solo, variação climática e sua propagação se dá por sementes.

As variedades mais comuns em nosso País (considerado um dos maiores produtores de feijão) são o preto (Sul e Sudeste), o vermelho, o branco (Sudeste) e o carioquinha (presente em todas as regiões brasileiras), além de outras variedades tais como feijão-de-porco (Canavalia ensiformis (L.) DC.), usado como adubo verde, feijão-fava (Phaseolus lunatus L.), consumido como grãos verdes, o caupi ou feijão-de-corda (Vigna unguiculata (L.) Walp.), muito utilizado no nordeste brasileiro e feijão-azuki (Vigna angularis (Willd.) Ohwi e Ohashi), cultivado por colonos japoneses.

Feijão ( foto fonte //venda.agr.br/plantacao-de-feijao.html)

Feijão (Foto: //venda.agr.br/plantacao-de-feijao.html)

O feijão faz parte da alimentação dos brasileiros juntamente com o arroz e formam um dupla infalível para uma boa alimentação oferecendo grande quantidade de proteínas para o organismo.

O feijão é uma leguminosa que auxilia na saúde do coração, no controle dos níveis de açúcar no sangue, contém muitas fibras ajudando na saciedade e nas dietas de emagrecimento, pois acelera o funcionamento intestinal, além de proteger a memória e melhorar a osteoporose, por conter cálcio. Por causa de alto teor de ferro é indicado para as mulheres com fluxo menstrual desregulado.

Alimento popular que caiu no gosto do brasileiro que o utiliza no dia a dia, em feijoadas, acarajés, tutu mineiro, feijão tropeiro, com farinha de milho ou mandioca e afogado com alho, cheiro verde e óleo.
Na roça era muito comum a utilização do feijão cozido misturado à farinha de milho e ovo, que era conhecido como Mexidinho.

Feijão (foto fonte //www.agencia.ac.gov.br/agricultores-querem-intensificar-cultivo-do-feijao-em-acrelandia/)

Feijão (Foto: //www.agencia.ac.gov.br/agricultores-querem-intensificar-cultivo-do-feijao-em-acrelandia/)

Be the first to comment on "Benefícios do feijão"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.